Passar para o Conteúdo Principal

município

logo Paredes

Mercado e exposições de Natal

siga-nos Facebook RSS feed

Segunda edição do Paredes Handball Cup de 3 a 7 de julho de 2019

47145999 2528550850519062 2582906818288156672 n 1 1024 2500
47323812 2528551527185661 6393515482493747200 n 1 1024 2500
47323880 2528550593852421 6470874848586366976 n 1 1024 2500
47384101 2528550237185790 5070150305279115264 n 1 1024 2500
47388285 2528550687185745 3464060663763042304 n 1 1024 2500
47429183 2528549920519155 8816012225828356096 n 1 1024 2500
04 Dezembro 2018

O Município de Paredes acolhe entre 3 e 7 de julho de 2019, a segunda edição do torneio de andebol “Paredes Handball Cup”, que contará, à semelhança do evento deste ano, com provas de andebol indoor e andebol de praia, entre outras surpresas.

O evento, presidido por Alexandre Almeida, foi apresentado esta segunda feira, 3 de dezembro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Paredes, numa sessão contou, ainda, com as presenças do vereador do Desporto, Paulo Silva, do Presidente da Associação de Andebol do Porto, Paulo Martins, do Presidente do CAB-CRD, Pedro Vasconcelos e dos organizadores da prova, Luís Sousa e Carlos Arrojado.

A prova decorre de uma parceria entre a Câmara Municipal de Paredes e o CAAE – Clube Andebol do Agrupamento de Escolas de Baltar e conta com o apoio da Federação de Andebol de Portugal e a Associação de Andebol do Porto.

O autarca Alexandre Almeida destaca que a segunda edição do Torneio Paredes Handball Cup vai seguramente projetar mais o concelho, para que “quem vem cá leve boa imagem de Paredes e os que cá vivem, sintam orgulho em ser de Paredes”.

“Uma iniciativa de referência”, classifica o autarca e “um dos primeiros momentos em que senti que as pessoas gostavam de viver em Paredes”.

Para além do aumento da verba disponibilizada, o município vai, igualmente, adquirir colchões para albergar os milhares de atletas esperados.

O vereador do Desporto da Câmara Municipal de Paredes, Paulo Silva, espera que o sucesso aumente na segunda edição do torneio e para o efeito conta com o apoio de todos os parceiros, como as Juntas de freguesia, ou as associações.

Não tem dúvidas de que é necessário voltar a reunir esforços “para que o evento tenha ainda mais sucesso. Uma semana de alegria para os paredenses e para quem visita Paredes e que vai contribuir para o desenvolvimento do concelho”, adianta.

Pedro Vasconcelos, do clube de Andebol do Agrupamento de Escolas de Baltar afirma que a primeira edição foi “fantástica, bem como a parceria que foi muito colaborativa”. Considera mesmo, que se trata “do maior torneio de andebol, que se realizou em Portugal desde sempre”. Acredita que o segundo torneio vai fazer “com que o andebol possa ser uma realidade em Paredes e ter muitos mais clubes”.

Luís Sousa, da organização, sempre teve a certeza de que o “evento ia ter um grande sucesso. A colaboração da Câmara foi inexcedível e o espírito de colaboração contribuiu para o sucesso”.

“A segunda edição terá muitas novidades e surpresas, será um torneio muito melhor, onde vamos corrigir o que correu menos bem”, sublinha Luís Sousa.

O Presidente da Associação de Andebol do Porto, Paulo Martins, asseverou que há cinco anos, “o número de atletas era zero, o que ilustra bem a evolução que a modalidade teve no concelho. Conseguimos inverter o deserto que era a inexistência do andebol", garante Paulo Martins.

Na semana que antecede o evento, de 28 de junho e 2 de julho haverá lugar a formação na modalidade, com atletas internacionais e treinadores de renome.

Recorde-se que a primeira edição contou com a participação de cerca de 3500 atletas e 280 equipas. 16 pavilhões do concelho foram palco de 560 jogos.

Partilhar
Top