Passar para o Conteúdo Principal

município

logo Paredes

site_video

siga-nos Facebook Instagram RSS feed

Assembleia Municipal de Paredes aprova contas de 2020. Passivo reduz novamente, em três anos baixou 20 milhões de euros

Assembleia Municipal de Paredes aprova contas de 2020. Passivo reduz novamente, em três anos baix...
2
3
4
5
6
29 Junho 2021

A Assembleia Municipal de Paredes aprovou a prestação de contas do exercício de 2020 apresentado pelo executivo liderado por Alexandre Almeida.

“Rigor e equilibro” foi assim que o executivo definiu a gestão do ano passado. “O Executivo Municipal apostou no rigor e no reequilíbrio financeiro, como demonstra a gestão e a evolução da dívida nos quadros das contas apresentadas aos deputados municipais, aproveitamos todos os fundos comunitários ao dispor da autarquia e fizemos obras em todas as freguesias, aumentando a qualidade dos serviços prestados aos munícipes”, afirmou o presidente da Câmara de Paredes, Alexandre Almeida.

Alexandre Almeida, sublinhou que “estas contas de 2020 espelham uma vez mais o enorme rigor no esforço de investimento, garantindo um equilíbrio de contas sem comprometer o desenvolvimento futuro do concelho de Paredes”.

As contas de 2020 do Município de Paredes foram aprovadas sexta-feira, 25 de junho, na última Assembleia Municipal de 2021 que realizada no Centro Escolar de Sobreira.

O relatório de gestão e contas de 2020 passou por maioria com os votos favoráveis dos deputados e presidentes de Junta do PS, do deputado e do presidente de Junta da CDU e dos presidentes de Junta de Louredo e de Sobrosa, eleitos pelo PSD, e do deputado social democrata de Sobrosa. Os restantes elementos do PSD votaram contra, com exceção das Juntas de Lordelo, Cête, Cristelo, Duas Igrejas e Vilela que se abstiveram tal como o representante do CDS.

De sublinhar que a terceira prestação de contas do Executivo permitiu uma vez mais que o passivo municipal diminuísse. Desde 2017 já baixou 20 milhões de euros.

O relatório de gestão e contas do exercício de 2020 aprovado representa a diminuição do passivo em menos 5 milhões de euros face a 2019.

Nas contas do Município, o passivo passou de 88.129.254 milhões, em 2019, para 83.564.907 milhões de euros, em 2020, menos 5 milhões de euros. Recorde-se que o passivo em 2017 era de 103.166,035 milhões de euros e em 2020 cifrou-se em mais de 83 milhões de euros, baixando 20 milhões de euros.

Da prestação de contas, sublinha-se que os financiamentos bancários desceram de 31.732.314 milhões de euros em 2017 para 28.054.838 milhões de euros em 2020. As dívidas a fornecedores de 2017 eram de 17.275.706 milhões de euros e em 2020 baixaram para 7.223.123 milhões de euros.

Refira-se que esta redução do passivo ocorreu num contexto de redução da taxa de IMI de 0,4% para o mínimo de 0,3%.

O autarca agradeceu ainda o envolvimento de todos os responsáveis e colaboradores da autarquia que muito contribuem para estes resultados.

 

 

Texto: IM

Fotos: CM Paredes

Top