Passar para o Conteúdo Principal

município

logo Paredes

tomadaposse

siga-nos Facebook Instagram RSS feed

Apresentação Pública do Projeto (Pa)redes de Inclusão

Apresentação Pública do Projeto (Pa)redes de Inclusão
8
12
1
9
19
3
10
11
16
17
12 Novembro 2021

Ontem, 11 de novembro, foi apresentado o Projeto “(Pa)redes de Inclusão” que tem como principal objetivo promover a melhoria da qualidade de vida da Comunidade Cigana de Paredes.

Na apresentação esteve presente a Vereadora do Pelouro de Ação Social, Beatriz Meireles, que referiu a importância deste projeto na “integração da comunidade cigana em Paredes” afirmando que “P(a)redes de inclusão vai complementar o processo de habitação social para a comunidade”.

O Projeto tem como principal parceiro a Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Paredes. Ilídio Meireles, Provedor da Santa Casa da Misericórdia, afirmou, durante a apresentação, que é necessário alertar a sociedade para esta problemática, “fazer com que a população aceite a comunidade cigana”.

A Junta de Freguesia de Paredes, o Agrupamento de Escolas de Paredes, o Centro de Saúde de Paredes, o Conservatório de Dança do Vale do Sousa, o Conservatório de Música de Paredes, a GNR – Guarda Nacional Republicana, o IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional e o Projeto Paredes Integra – CLDS 4G, representam os restantes parceiros do Projeto.

“(Pa)redes de Inclusão” pretende atuar em áreas como a intervenção psicossocial, a educação e cidadania, a promoção da saúde, do emprego e formação profissional, e a adequação ao contexto habitacional. Estas ações serão materializadas por uma equipa coordenada por técnico um da Câmara Municipal de Paredes e por duas Mediadoras Interculturais, uma psicóloga e uma educadora social.

O Projeto em questão foi objeto de candidatura ao projeto Mediadores Municipais e Interculturais, cofinanciado pelo Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE), no valor elegível de 128 750.41 euros ao qual corresponde um financiamento de 85%, que ascende a 109 437.85 euros.

Top