Passar para o Conteúdo Principal

município

logo Paredes
siga-nos Facebook Issuu RSS feed

Museu da Escola

  • 1
  • 2


O presente projeto Comenius Régio Parcerias intitulado “Museu da Escola: uma estratégia de inclusão” pretende assumir-se como um centro sobre educação que conjuga de um modo inovador valência de museu, centro de ciências e centro de aprendizagem.

As exposições e outras atividades inerentes ao Museu da Escola serão albergadas na antiga escola com o legado de Conde de Ferreira, construída em 1886. O edifício está adaptado para abranger todo o tipo de públicos nomeadamente as pessoas com mobilidade reduzida e necessidades específicas. Está vocacionado para apresentar conteúdos sob a forma de experiências aos visitantes no domínio da perceção da escola, com objetivo integrador de promover a literacia e as competências numéricas.

Este projeto resulta de uma parceria entre a região portuguesa e espanhola sendo os seus representantes o Município de Paredes e o Município de Xátiva, respetivamente. Os parceiros que também integram esta parceria na região portuguesa são a Escola Secundária de Vilela, o Centro de Formação da Associação de Escolas de Paços de Ferreira, Paredes e Penafiel e a Associação Paredes pela Inclusão Social, sendo que relativamente à região espanhola acrescentam-se ainda o IES Lluis Simarro, Asssociação Innoeduca. Em Espanha o museu será albergado no edifício do antigo banco Espanhol, atual museu de Almudín. Para uma efetiva partilha de experiência entre estas regiões estão previstas mobilidades.

Os objetivos inerentes a este projeto prendem-se, sobretudo, com a possibilidade de troca de experiências, nomeadamente com Espanha, comunidade com a qual se pretende estabelecer um trabalho em rede que permita uma efetiva partilha de conhecimentos e boas práticas nas áreas referidas, com vista a uma intervenção sustentada.

O projeto visa ainda construir uma comunidade educativa conjunta que potencie o desenvolvimento de uma aprendizagem contínua, com disseminação do conhecimento e partilha de experiências para a educação ao longo da vida.

Para esse efeito serão realizadas exposições temáticas, workshops, formações para profissionais da educação entre outras atividades. O projeto tem uma dimensão diacrónica, uma vez que uma das atividades previstas: o encerramento de mensagens de alunos e famílias, que se encontram a frequentar no ano letivo de 2012/2013 o 4.º ano de escolaridade do Centro Escolar de Vilela só serão descerradas passados 5 anos, em 2018, quando estes alunos estiverem a terminar o 9.º ano. Esta atividade será da responsabilidade da Associação Paredes pela Inclusão Social.
Outra atividade que perdura para além do fim da candidatura é a exposição itinerante: “Memória da Escola: 100 anos de Ensinamentos” que apôs o fim do projeto percorrerá numa primeira fase os Centros Escolares do Concelho de Paredes e posteriormente ficará disponível para outras itinerâncias.

Este projeto é financiado por Lifelong Learning Programme da Comissão Europeia teve início 1 de agosto de 2012 e terminou em julho de 2014.

Vídeo "Memórias da Escola"

Partilhar
Top