Passar para o Conteúdo Principal

município

logo Paredes

mq1

siga-nos Facebook Instagram RSS feed

Concerto solidário do pianista Cristóvão Luiz e do flautista Luís Meireles na Casa da Cultura de Paredes

Concerto solidário do pianista Cristóvão Luiz e do flautista Luís Meireles na Casa da Cultura de ...
58993_1546397573703_7424535_n
17038980_873859559421224_1744382733783868095_o
cristovao_luiz
13 Dezembro 2019

Este sábado, dia 14 dezembro, pelas 21h30, dois reconhecidos músicos portugueses, Cristóvão Luiz e Luís Meireles, sobem ao palco do auditório da Casa da Cultura de Paredes para um concerto solidário integrado na programação de Natal do Município de Paredes.

O pianista Cristóvão Luiz é o músico convidado do flautista Luís Meireles. Do repertório do concerto constam obras dos compositores Prokofiev, Donizetti, Chopin, Enesco e Poulenc.

A entrada no concerto solidário custa 2,50 euros. O valor da receita angariada reverte integralmente para a AIJA – Associação para a Inclusão de Jovens e Adultos, com sede em Lordelo.

Programa:

I parte

Donizetti - Sonata - Largo/Allegro
Chopin - Variações sobre um tema de Rossini
Enesco -Cantabile e Presto
Poulenc - Sonata - I -Allegro malinconico
-II - Cantilena
- III -Presto giocoso

II Parte

Prokofiev - Sonata em Ré M - I- Moderato

- II- Scherzo -Presto
-III- Andante
- IV - Allegro com brio

Biografias

Luís Meireles, flauta
Flautista portuense, começou os seus estudos musicais no Conservatório do Porto, tendo prosseguido em Madrid, Bruxelas e Paris, onde foi aluno de Vicens Prats, Jean Ferrandis e Christian Cheret. Obteve os seus diplomas superiores de Execução, Pedagogia e Música de Câmara na École Normale de Musique de Paris.
A sua carreira levou-o a cerca de trinta países em vários continentes, tendo tocado mais de 400 concertos, em importantes salas e festivais, com a sua mulher, a pianista Maria José Souza Guedes, com parceiros de reconhecido mérito e como solista de várias orquestras, como as Sinfónicas de Szczecin, da Macedónia, do Porto, Nacional do Cazaquistão, Orquestra de Câmara da Silésia, Clássica de Bratislava, Camerata do Porto, Orquestra do Norte, etc.
Estreou numerosas peças que lhe foram dedicadas por reconhecidos compositores portugueses como Fernando Lapa, António Pinho Vargas, Eurico Carrapatoso, Filipe Pires, Sérgio Azevedo, Fernando Correia de Oliveira e Cândido Lima, entre outros.
Gravou 7 Cds, que obtiveram excelentes críticas na imprensa nacional e em vária revistas da especialidade, em Espanha, França, Reino Unido e Alemanha.
É professor de Flauta e Música de Câmara do Conservatório de Música do Porto desde 1991, tendo lecionado masterclasses em prestigiadas instituições como o Academic College do Conservatório Tchaikovsky de Moscovo, Academia de Debrecen (Hungria), Academia Nacional do Cazaquistão, Escola Superior de Música de Lisboa, Conservatórios Darius Milhaud (Paris), Kielse (Polónia), Sassari (Sardenha) e Funchal, cursos de verâo - Vertiskos (Grécia), InterFest Bitola (Macedónia) e Internacionais do Porto e de Guimarães.

Cristóvão Luiz, Piano
Natural de Lisboa, estudou Violino com Klàra Erdei na Fundação Musical dos Amigos das Crianças. Iniciou-se no Piano como autodidata, trabalhando depois com António Ferreira e António Toscano. Diplomou-se em Piano na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo com Sofia Lourenço e Luísa Tender, trabalhando paralelamente sob a orientação de Markus Groh na Hochschule für Musik und Theater Hannover. Participou em masterclasses de Piano com Helena Sá e Costa, Sequeira Costa, Tania Achot, Fernando Puchol e Markus Tomas. Obteve o Prémio Helena Sá e Costa em 2005, actuando a solo com a Orquestra Sinfonietta ESMAE sob a direcção de Cesário Costa.
Desde julho de 2017, é maestro-titular do Côro do Círculo Portuense de Ópera.
Acompanhou classes de Cordas e Canto na ESMAE e na Escola das Artes/Universidade Católica Portuguesa, vários concursos e audições nacionais e internacionais, bem como masterclasses de Clarinete com membros do Quarteto Vintage, e de Violino com Jack Liebeck (Verão Clássico 2016) e de Canto orientadas por António Salgado, Susan Waters, Elisabete Matos e Dora Rodrigues.
Músico-convidado da Orquestra Sinfónica do Porto e do Côro Casa da Música, trabalhou com os maestros Christian Karlssen, Michael Zilm, Lothar Zagrosek, Pedro Neves, Marion Sarmiento, Paul Hillier, Olari Elts, Takuo Yuasa, Douglas Boyd e Baldur Brönimann.
Apresentou-se em concertos e festivais como solista e em formações de câmara em diversos projectos, colaborando com Thiérry Barbé, David Heyes, Ana Maria Pinto, António Saiote, Iva Barbosa, o Quarteto Vintage, Klara Rundel, José Eduardo Gomes, Ana Ferraz, Julien Beaudiment, Michel Bellavance, em Portugal, Alemanha e Itália. Em março de 2019, apresentou-se em recital com o soprano Elisabete Matos no Palácio da Pena em Sintra.
É desde 2005 pianista-acompanhador no Conservatório de Música do Porto.

Fotos: Direitos Reservados

Top